Notícias deste lado...

3.10.17


Eu bem sei que tenho andado um pouco ausente por aqui e por isso desculpem. Mas acreditem quando vos digo que, deste lado, tem sido uma correria das grandes. 
Contei-vos no último post um pouco sobre a adaptação dos rapazes às escolas. O Manuel no primeiro ano e o Joaquim no Jardim de Infância. O que não cheguei a contar é que são novas escolas, numa nova cidade para onde nos mudámos. Estamos agora de arraiais assentes em Lisboa e apesar disto não representar uma novidade para nenhum de nós, adultos e apesar de ser uma cidade familiar para os miúdos a verdade é que é a primeira vez que nos vemos, todos juntos, numa mudança tão grande. 
O balança passado pouco mais de um mês, não podia ser melhor. Especialmente porque os nossos filhos estão felizes. 
A verdade é que apesar de estarmos motivados para este desafio, andei um bocadinho (bom, talvez mais do que um bocadinho...) angustiada com a mudança. Não tanto por nós - pais - mas pelos miúdos. Por todas as mudanças que íam implicar. Por serem, claramente, dois rapazinhos de exterior, de casas na árvore, de passeios, de jogos de futebol num qualquer quintal. Também tremia só em pensar na adaptação do Manuel à escola nova, ao primeiro ano. Ao ficar longe dos amigos que o acompanharam durante 4 anos e de quem ele tanto gosta.
Nunca falámos muito da mudança com eles para não passar a nossa ansiedade e só no último mês antes de virmos começámos a falar em tudo o que íamos ganhar com esta mudança e em como os amigos lá iam estar quando voltássemos para visitar. 
E a verdade é que, um mês depois, aqui estamos, juntos e felizes. Não passávamos uma semana inteira juntos há meses e meses e essa foi a principal motivação para esta mudança porque o mundo pode estar a ruir mas juntos somos sempre mais fortes e estamos sempre muito mais felizes. 
E é isso que notamos nos miúdos. Temos mais trânsito, temos novas responsabilidades, não temos o nosso jardim à beira mar mas eles nem perguntam por isso. Eles só falam no que têm e fazem planos para o que vamos fazer na nossa semana de férias "em casa". Eles estão felizes onde nós estivermos e isso é o nosso gatilho.


E neste dia, uma ida ao Guincho com a Isabel a dormir no carrinho, depois de termos ido visitar animais numa quinta pedagógica e de termos almoçado à beira mar...

No comments:

Post a Comment

Obrigada pelo seu comentário!

AddThis